5 EXERCÍCIOS DE YOGA PARA PRATICANTES DE PILATES

5 EXERCÍCIOS DE YOGA PARA PRATICANTES DE PILATES

  • 5 EXERCÍCIOS DE YOGA PARA PRATICANTES DE PILATES

Com o intuito de enriquecer as práticas de Pilates e ver as semelhanças que essas duas modalidades tem em comum, criamos essa coluna para deixar o leitor mais tranquilo e aberto a novos horizontes. Sabemos que o próprio criador do método Pilates praticava Yoga e muitos dos seus clássicos exercícios tiveram essa inspiração milenar.

As posturas do Yoga são chamadas de ásanas e existem inúmeras delas. Há milhares de anos estas ásanas foram desenvolvidos por sábios yogis principalmente para ajudar na prática de meditação e manter um maior domínio sobre corpo e mente. Foi através da observação dos elementos da natureza - montanhas, animais e árvores que os yogis se inspiraram para a jornada de criação das posturas, sempre com a intenção de manter o corpo e a mente em perfeito equilíbrio.

Escolhemos 5 ásanas que vão enriquecer suas práticas e apresentar semelhanças com o método Pilates:

 

  1. 1. Bhujangásana (Postura da Cobra)

 

Excelente para o fortalecimento e flexão da coluna, alongamento do tórax, aumento do fluxo sanguíneo e fortalecimento da região pélvica.

Deitado de bruços com as mãos próximas ao ombro e suportando o peso nas mãos levante                          o peito inspirando, olhe para o teto. Permaneça alguns segundos nessa posição sem expirar, mantenha os olhos abertos e a boca fechada. Volte expirando e relaxe.

É contraindicado para pessoas que tenham desvios e dores na coluna, especialmente nas regiões cervical e lombar.

kinesisl1

 

 

 

  1. 2. Matsyendrásana (Postura da Torção)

 

É um exercício que flexibiliza e alonga a coluna e os músculos das coxas, massageia os músculos e órgãos internos da região pélvica, abdômen e tórax. Ainda ajuda a equilibrar os hormônios das glândulas endócrinas principalmente das suprarrenais e do timo. O maior efeito deste ásana se dá no sistema digestivo.  

Cruze o pé direito por cima da coxa esquerda e mantenha a esquerda próxima aos glúteos. Com o cotovelo direito empurre a perna esquerda e a outra mão atrás no chão. Pode-se deixar uma perna esticada.

kinesisl2

 

 

 

 

  1. 3. Bhastrikásana (Postura do Fole)

 

É muito indicada para a melhora do funcionamento dos intestinos, fortalecimento dos músculos da região pélvica e abdominal, alongamento da coluna, fortalecimento do sistema digestivo, do sistema respiratório e do coração, beneficiando e revigorando todo o sistema circulatório. No repertorio clássico criado por Joseph Pilates, esse movimento se assemelha ao The One Leg Stretch.

 

Deite-se de costas e expirando dobre a perna esquerda, colocando a coxa em contato com o peito e levante o tronco. Segure a perna firmemente com ambas as mãos. Permaneça nesta posição por alguns segundos. Volte à posição inicial enquanto inspira. Faça da mesma maneira com a perna direita e depois com ambas as pernas juntas. Uma série compreende os movimentos para a aperna esquerda, direita e para ambas juntas.

 

Tenha cuidado com pessoas hipertensas ou com cervicalgia.

 

kinesisl3

 

 

 

 

 

 

 

  1. 4. Purvottánásana (Postura da Prancha)

 

É um excelente exercício para fortalecer os membros superiores em isometria, alonga os músculos da região pélvica e abdominais, a coluna em geral e o sistema respiratório. No Pilates ele se assemelha ao Leg Pull Back.

 

Sente-se com os ísquios apoiados no solo e as pernas em extensão com as mãos na altura do quadril. Mova as mãos para trás (para criar uma distância confortável para erguer seu tronco) e inspirando erga o quadril mantendo as pernas esticadas. Nesta postura a cabeça deve permanecer relaxada, o peito e ombros abertos e expandidos e os glúteos contraídos. Permaneça por alguns segundos e volte à posição inicial exalando.

 

É contraindicado em pessoas que tenham tendinites, bursites e lesões articulares nas mãos ou ombros.

 

kinesisl4

 

 

 

 

  1. 5. Bálásana (Postura da Criança)

 

Traz como benefícios o relaxamento geral do corpo. Geralmente é muito utilizada como relaxamento após os exercícios que exigem muita força da região lombar.

 

Sente-se ajoelhado com os pés dobrados para baixo. Incline-se para frente deixando a testa no chão e o corpo sobre as coxas, descansando a cabeça no chão.

kinesisl5

 

 

Lembramos que não é aconselhável praticar qualquer ásana sem uma análise prévia da flexibilidade do corpo, das condições gerais da saúde e sem um acompanhamento de um profissional capacitado.

Como vimos, a inclusão de alguns exercícios simples do Yoga podem trazer inúmeros benefícios para o praticante de Pilates. Então, ao buscar um Studio de Pilates, tenha certeza que vai poder aproveitar também todos os benefícios do Yoga!

 

Venha para o Kinesis Pilates e experimente uma prática de Pilates diferenciada, com integração total entre Pilates, Yoga e Treinamento Funcional.

Agenda já sua aula experimental gratuita em nosso site: www.pilateskinesis.com.br

 

 

Por Bárbara Krainski
FISIOTERAPEUTA
INSTRUTORA DE PILATES E YOGA

(41) 3343-0102

CLICK AQUI PARA VER ANÚNCIO

Veja Mais Notícias